NOTÍCIAS

Pacientes com HIV ficam sem atendimento após pedido do Governador

SAE de Horizonte sem atendimento

29/03/2019 ás 22:25:25

Pacientes com HIV do município de Horizonte encontram-se sem acompanhamento  após o atendimento ter sido suspenso na Policlínica da Cidade, Um serviço que foi implantado com a estratégica, interesse e recurso do próprio município sem qualquer apoio do governo estadual e federal, o SAE funcionava na Policlínica que atende outras 14 especialidades além do Ambulatório de HIV, que até o momento da suspensão do serviço atendia pelo menos 106 pacientes.

De acordo com a SESA (Secretaria de Saúde do Estado)  o médico Infectologista havia solicitado sua transferência para Fortaleza, em contato mantido na manhã de hoje pelo Coordenador da RNP+Ceará, Vando Oliveira, com o secretário de saúde de Horizonte Dr. Everardo Cavalcante Domingos, a informação do secretário é que a seção do médico de Horizonte para o Hospital São José em Fortaleza se deu a partir do que foi oficiado Pelo Governador do Estado Camilo Santana ao Prefeito de Horizonte requisitando a transferência do profissional. O município não poderia negar a solicitação do Governador. Ainda de acordo com as Informações do secretário o município estará abrindo um Edital para contratação de um novo Profissional infectologista para atender os pacientes que estão com o acompanhamento suspenso más, que este processo burocrático leva um tempo de 45 a 60 dias caso haja interesse de outro profissional que depende também de cooperativa. Dr Everardo diz que a policlínica tem condição de atender os pacientes ora prejudicados e até outros de municípios vizinhos e que a gestão municipal tem todo interesse na continuidade do atendimento que foi uma iniciativa da gestão atual, e que a saída do médico foi um grande prejuízo não só para os pacientes HIV+, como também para a própria gestão municipal que já há conhecimento de que o governador solicitou a transferência de mais dois outros profissionais concursado do Município para a SESA, em Fortaleza.

Para a RNP+Ceará, esta atitude do Governo do estado causa estranheza, preocupação e repudio considerando que: as PVHA ( Pessoas vivendo com HIV) do município estão sem atendimento no momento que o único local que pode receber esses pacientes é o São José em Fortaleza que pela superlotação precisa que seja descentralizado com os municípios cearenses, e a tão esperada ampliação/reforma do ambulatório anunciada em junho de 2018 ainda não aconteceu apenas pela falta de vontade politica do governador.

Esperamos que o Governo do Estado veja o que causou ás Pessoas com HIV de Horizonte e que pode comprometer ainda mais o atendimento no hospital são José. Caso o município não consiga resolver em curto prazo terá que estes pacientes JÁ PREJUDICADOS serem encaminhados ao hospital são José.

RNP+CEARÁ.

 

 

 

Deixe seu comentário

Artigos relacionados

1 pensou em “Pacientes com HIV ficam sem atendimento após pedido do Governador”

  1. Primeiramente uma boa tarde para todos eu espero que um dia em nome de Jesus Cristo a cura contra HIV seja mais rápido possível que a gente consiga viver muito mais tenho muita fé que a gente vai vencer na vida toce muito pela cura amém.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios